ARQUEOLOGIA DO MOVIMENTO 

MÁTRIA | o corpo antes da história 

Sinopse  
  Andamos nesta Terra há pelo menos 1 500 000. Nós, humanos, nascemos Nela, e sempre a Ela regressamos.    Quero conhecer esta Terra onde me deito, esta Terra onde me movo e acordo. Antes da História, das histórias, quando só havia Ela e os seus lugares prediletos, os lugares onde Ela se encontrava connosco em amplo espasmo e derramar. 

 Mátria. Quero desmembrar-me como a Ti desmembrámos, e voltar a amassar-me, amassarTe, e então coser-Te novamente, nos lugares onde ainda nos esperas, Inerente e Primal. Antes da História estavas Tu – nos meus pés, na minha face, nos meus sentidos e na gravidade que me acolhia. Nas minhas mãos, nas minhas vértebras e na vertical humanidade de mim. Tu estavas nos meus cabelos – tu eras os meus cabelos, abertos e espraiados como grãos de Ti, matriz de tudo o que poderá ainda existir.
Mátria é um projeto de dança, vídeo e performance que incide sobre o corpo e a história – especificamente a pré-história.O objecto final será um vídeo de dança com cerca de 20 minutos com imagens recolhidas em vários locais de Portugal com interesse pré-histórico. De forma a partilhar com o público este processo criativo, realizaremos performances-marcos ao vivo (dança, música e projeção de vídeo) em contexto museológico, ou relativo ao património cultural, nas localidades próximas, ou irmãs, dos lugares onde realizamos as filmagens.     A criação coreográfica e a performance constroem-se, por sua vez, em espiral sobre as forças arcaicas do corpo humano: os pés, a coluna vertebral, as mãos, a gravidade, a face, a verticalidade, os cabelos, os sentidos, a voz.
  O corpo antes da História é uma viagem sensível à matriz da cultura humana – mas muito especialmente, da cultura humana em Portugal.

Conceção, coreografia, performance em lugar específico | Vera Eva Ham

Sonoplastia, música ao vivo, vídeo | Carlos Alberto Cavaco

Apoio Científico | Ricardo Soares Apoio à produção local | Rizoma Lab

Mátria é um projeto apoiado pelo programa Divam da D.R.C.Algarve

 

notas sobre as forças de um corpo | performance

 

0# tudo começou no corpo, o corpo é um lugar, e o lugar é um corpo | recuperar o corpo ferramenta, de conhecimento, consciência, a primeira, a original | em sinergia com o lugar

 

1# a verticalidade – a presença | não há presença sem tempo, mas é a presença que apaga o tempo, e inspira o outro tempo, o tempo sagrado – onde sentimos ligação, relação, sentido e simultaneamente, mistério

 

2# coluna vertebral – geometrias e espirais | girar, girar como quando éramos crianças e girávamos até ficarmos tontas/os | a descoberta do giro está para a descoberta da roda |

a coluna e as vértebras, lugares de fluidez, de memórias aquáticas, ondular e rastejar até desabrochar na verticalidade

 

3# pélvis – voz – orifícios (sentidos) | o desconhecido do interior do corpo, desagua em orações, encantamentos, tabus, segredos e tesouros viscerais | um corpo de orifícios por onde entram os sentidos, as relações com o outro – animal, matéria, elemento | a volatilidade humana atravessa todas estas fissuras e aberturas, portais, daí a metamorfose | a voz, uma força de o corpo que amplifica o pensar, o sentir, o querer

 

4# face -mãos | na face humana mais músculos que em qualquer outro animal | saber ler o corpo, saber ler o outro, a empatia, recetividade, a compreensão, estas são capacidades – poderes construtivos e valiosos

 

5# resíduo (do lugar específico de Alcalar) | escavação onde se descobre um movimento resíduo | e daí, podemos sentir o movimento resíduo, a compor-se até ao artefacto completo? Ou recuamos do resíduo até ao seu vazio, que na verdade anuncia o momento da criação?

 

6# cabelos – gravidade – cabeça | cabelos raízes de céu, sementes que cresceram e querem voltar | na cabeça o poder de voar, sair e entrar – e daí a coroa aberta, a moleirinha a nascer do parir da mãe | vibrações, tremores, forças, padrões que anunciam a chegada, ou o voltar, ou ainda o abrir das asas | tremer com a terra para nela entrar ou dela sair

 

www.projecto-geo.com     

www.veraevaham.pt      

www.rizomalab.pt